“Jantar secreto” -Raphael Montes

CB27EB10-2BC0-406D-91A0-15AAC5821531

Indigesto. Totalmente! Para quem tem estômago de avestruz. Como eu tenho, amei! Raphael Montes conseguiu me chocar de novo. Depois de Suicidas, pensei que nada mais dele pudesse me surpreender, mas conseguiu, e com louvor. Quanta criatividade uma pessoa consegue ter! A trama de Jantar Secreto é super diferente e muito criativa. A escrita de Raphael é muito fluida e te leva num ritmo vertiginoso. Foram menos de dois dias lendo.

Mas reforço, é para os fortes. Raphael na minha humilde opinião, quer antes de tudo chocar, mas o faz com propriedade e conteúdo substancioso. Vou te contar um pouquinho desse livro pra você começar a entender:

Uns amigos que moram juntos em Copacabana, de repente se vêem desesperados por causa de grana para não serem despejados. E por vaidade de não querer assumir para o mundo o quanto fracassaram na cidade grande e voltar pra sua cidadezinha do interior do Paraná, topam fazer uma coisa extremamente radical (e nonsense) pra arrecadar a quantia.

E aí mora o perigo, quando o dinheiro entra fácil, deixando até os padrões morais e éticos de lado. Brilhantemente nesse momento, o autor mostra toda a fraqueza humana e o quão frágil pode ser a índole quando ego, dinheiro e poder estão envolvidos.

Não nego porém, que além de toda a surpreendente criatividade de Raphael, a cena do último jantar do livro quase resvalou no trash cômico, mas como ele faz o resto com muita propriedade, meio que conquistou esse direto na minha opinião. Me lembrou muito outro gênio, mas esse do meio cinematográfico, o mestre Tarantino. Hummmm. 🤔 O que me faz imaginar uma parceria que seria espetacular hein Raphael?

#sinopse

Um grupo de jovens deixa uma pequena cidade no Paraná para viver no Rio de Janeiro. Eles alugam um apartamento em Copacabana e fazem o possível para pagar a faculdade e manter vivos seus sonhos de sucesso na capital fluminense. Mas o dinheiro está curto e o aluguel está vencido. Para sair do buraco e manter o apartamento, os amigos adotam uma estratégia heterodoxa: arrecadar fundos por meio de jantares secretos, divulgados pela internet para uma clientela exclusiva da elite carioca. A partir daí, eles se envolvem em uma espiral de crimes, descobrem uma rede de contrabando de corpos, matadouros clandestinos e grã-finos excêntricos, e levam ao limite uma índole perversa que jamais imaginaram existir em cada um deles.

Resenha de Sylvia Tavares

Deixe uma resposta