“A históriaDe Malikah” – Marina Carvalho

2CBB38C8-736A-449C-A328-556E8F1FAF8C

#AHistoriaDeMalikah #MarinaCarvalho #Globoalt – Por Bianca Brandão

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Um romance de época histórico, emocionante, forte, cheia de aventuras e personagens que lutam contra as tradições de uma época em nome do verdadeiro amor.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Esse romance é o segundo livro da série “O amor nos tempos do ouro”.  Conhecemos a história de Malikah, seu passado, desde o momento em que chegou ao Brasil, ainda criança. 

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Achei muito interessante a dinâmica de escrita desse livro, cada capitulo alterna e mescla fatos do passado de Malikah e seu presente. 

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Henrique é outro personagem que amadureceu demais. Se mostrou de fato arrependido dos seus erros e disposto a lutar pelo amor de Malikah e seu filho. 

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Mais uma vez parabenizo Marina, não somente pela escrita, fluida e leve, mas pelo embasamento histórico, que está impecável. Imagino que deve ter sido difícil de digerir o quão vergonhoso e triste foi a época da escravidão. As injustiças cometidas, desde palavras a duros castigos. 

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

❝Vivemos em um mundo injusto e cruel, querida, 

onde seres humanos subjugam seus semelhantes sem remorso.❞

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Malikah para mim é uma heroína, uma mulher forte, que mesmo diante de tanto sofrimento e injustiças, não se abateu, e acredita que um dia será feliz. Não tem como não amar!

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Uma leitura incrível. Mais que recomendado. Aguardo ansiosamente um

desfecho para Bibiana e a história de Bárbara e Hasan… vem continuação? Espero que logo!

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

#mamaetalendo

Sinopse

“Malikah conheceu muito cedo toda a crueldade de que o ser humano é capaz. Escravizada e trazida ainda criança da África ao Brasil, sofreu as mais diversas formas de violência, especialmente depois de ter engravidado de Henrique, o filho do dono da fazenda onde trabalhava. Mesmo sendo resultado de uma relação de amor, estar grávida de um de seus senhores era uma afronta aos homens da casa-grande, por isso Malikah foi duramente castigada e quase morta. Malikah e seu bebê, Hasan, só conseguiram escapar com a ajuda de Cécile e Fernão, que lhes deram abrigo na Quinta Dona Regina, um lugar novo onde todos, brancos e negros, poderiam viver em liberdade. Porém, mesmo com a relutância de Malikah, Henrique continua por perto, arrependido por não ter protegido sua amada e tentando se aproximar de Hasan. Mas como um homem que foi ensinado a cometer tantas atrocidades poderá dar a uma criança o amor incondicional? Apesar de Malikah ainda sentir algo por ele, é possível perdoar alguém que representa para ela tantos anos de injustiça e sofrimento?”

Deixe uma resposta