“Reencontro em Paris” – Danielle Steel

D83FDF21-3783-4228-9C99-DFB98BBF5F87

Li o primeiro livro de Danielle Steel há uns bons 30 anos (li muito nova tá?) e gamei né? Quem nunca? Ela meio que agrada todo mundo pois escreveu muita coisa com muitos temas.

Alguns sinceramente, decepcionantes pra mim, tive vontade de jogar na parede (Klone e eu). Outros incríveis (Zoya, Acidente). Hoje aos 40, Danielle já não é meu estilo de leitura, mas tenho um carinho todo especial e me surpreendi ao saber que ela continua na ativa, com 71 anos (9 filhos e 5 casamentos). E seu aniversário é hoje, dia 14/08.

Suas histórias muitas vezes me emocionaram, me trouxeram lágrimas, e me fizeram provavelmente enveredar pelo caminha da leitura, juntamente com outros grandes autores. Não podemos ignorar que ela tem 600 milhões de cópias de seus livros vendidas!!!

E nessa onda de nostalgia resolvi ler #reencontroemparis lançado no ano passado. E é bem Danielle Steel, a personagem principal é perfeita, linda, tem uma pele de pêssego, cabelos sedosos, filhos de capa de revista, algum talento insuperável e sofreu alguma(s) barbaridade(s) comendo o pão que o diabo amassou, mas ela supera tudo de forma brilhante e dá a volta por cima de forma diva total. Hahahaha.

Nesse caso, Carole Barber, estrela de cinema dona de 2 estatuetas do Oscar (o talento insuperável), passa por uma transformação de vida quando está na hora errada e no lugar errado, um atentado em Paris. Mas ela é tão perfeita e tão evoluída, e tão linda e tão diva, que provavelmente o atentado foi na hora certa e no lugar certo. Hahahaha, vai entender… Danielle sendo Danielle. Mas ela pode. É diva total dos livros. E por sinal, continua lindíssima, mesmo aos 71 anos. Mas estou voltando pro gênero suspense com muito sangue em 3,2,1.

4776056C-B51B-4880-A81B-EE1E09FE6907
Linda e loira aos 71 anos –  autora Danielle Steel

#sinopse

Um ataque terrorista deixa inúmeras vítimas. A vida inteira de uma mulher é apagada de sua mente, e tudo o que lhe resta é o amor e a esperança de um futuro melhor.
Aos 50 anos, a famosa atriz Carole Barber decide dar um tempo na carreira de atriz e embarca para Paris, cidade onde morou durante uma época muito importante de sua vida, para começar uma jornada de autoconhecimento e, quem sabe, enfim, escrever seu primeiro romance, um antigo sonho.
Mas, assim que coloca os pés na capital francesa, ela é vítima de uma grande tragédia. Uma explosão causada por um ataque terrorista a deixa entre a vida e a morte. A notícia de que a famosa estrela de Hollywood é uma das vítimas do atentado logo vem à tona, e a imprensa e os paparazzi não dão um minuto de trégua à família. Além disso, um homem misterioso passa a rondar o hospital tentando visitar a mulher que um dia amou e que nunca esqueceu.
Então um milagre acontece: Carole acorda, porém sem nenhuma lembrança de quem ela é. Reencontro em Paris é uma história de luta pela sobrevivência, de pequenos milagres e grandes surpresas, que nos mostra que os sonhos, as decepções e os maiores temores de uma grande celebridade podem ser tão reais quanto os nossos.

Resenha by Sylvia Tavares

Deixe uma resposta